sábado, 14 de outubro de 2017

Dez grandes razões para ser um ganhador de almas


1. DEUS NOS MANDOU ALCANÇAR O MUNDO. (Atos 1:8: “Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e até os confins da terra.”)

2. POR CAUSA DE UM CORAÇÃO GRATO. (Atos 20:35: “Tenho-vos mostrado em tudo que, trabalhando assim, é necessário auxiliar os enfermos e recordar as palavras do Senhor Jesus, que disse: Mais bem-aventurada coisa é dar do que receber.”)

3. É UM PRIVILÉGIO TRAZER GLÓRIA AO SENHOR. (1Pedro 4:10,11: “Cada um administre aos outros o dom como o recebeu, como bons despenseiros da multiforme graça de Deus. Se alguém falar, fale segundo as palavras de Deus; se alguém administrar, administre segundo o poder que Deus dá, para que em tudo Deus seja glorificado por Jesus Cristo, a quem pertence a glória e o poder para todo o sempre. Amém!”)

4. É DA RESPONSABILIDADE DOS SALVOS.  (Colossenses 1:10: “para que possais andar dignamente diante do Senhor, agradando-lhe em tudo, frutificando em toda boa obra e crescendo no conhecimento de Deus;”)

5. É DEVER DOS CRENTES. (Romanos 12: 1: “Rogo-vos, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis o vosso corpo em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional.”
E Lucas 17:10: “Assim também vós, quando fizerdes tudo o que vos for mandado, dizei: Somos servos inúteis, porque fizemos somente o que devíamos fazer.”)

6. PORQUE AS PESSOAS ESTÃO INDO NUMA ESTRADA DIRETA PARA O INFERNO.  (Judas 20-23: “Mas vós, amados, edificando-vos a vós mesmos sobre a vossa santíssima fé, orando no Espírito Santo, conservai a vós mesmos no amor de Deus, esperando a misericórdia de nosso Senhor Jesus Cristo, para a vida eterna. E apiedai-vos de alguns que estão duvidosos; e salvai alguns, arrebatando-os do fogo; tende deles misericórdia com temor, aborrecendo até a roupa manchada da carne.”)

7. É PARA OS CRISTÃOS UMA GRANDE OPORTUNIDADE DE SERVIR. (Romanos 13:10,11: “O amor não faz mal ao próximo; de sorte que o cumprimento da lei é o amor. E isto digo, conhecendo o tempo, que é já hora de despertarmos do sono; porque a nossa salvação está, agora, mais perto de nós do que quando aceitamos a fé.”)

8. PORQUE É TEMPO DE COLHEITA. (João 4:35: “Não dizeis vós que ainda há quatro meses até que venha a ceifa? Eis que eu vos digo: levantai os vossos olhos e vede as terras, que já estão brancas para a ceifa.”)

9. DAR FRUTOS. (João 12: 24: “Na verdade, na verdade vos digo que, se o grão de trigo, caindo na terra, não morrer, fica ele só; mas, se morrer, dá muito fruto.”)


10. PARA RECEBER A BÊNÇÃO PLENA DE DEUS. (João 4:36: “E o que ceifa recebe galardão e ajunta fruto para a vida eterna, para que, assim o que semeia como o que ceifa, ambos se regozijem.”)

Traduzido por Veredas Missionárias a partir de original em: https://www.agm-ffci.org/tenreasonstobeasoulwinner.asp
Fonte: Veredas Missionária

Bibliografia de Missões

POSTAGEM PUBLICADO PELA VEREDAS MISSIONÁRIAS 

LIVROS SOBRE MISSÕES

Nosso colaborador Wesiley dos Santos Monteiro elaborou uma lista de livros de Missões publicados no Brasil, divididos por temas. Claro, não trata-se de lista abarcando TODOS os livros já publicados, mas apresenta um riquíssimo panorama (mais de 200 livros) para aqueles que desejam conhecer ou se aprofundar nas temáticas abordadas.


HISTÓRIA DAS MISSÕES
Missões: Até os Confins da Terra (Ruth Tucker, Vida Nova)
História do Movimento Missionário (Justo Gonzalez/C. Orlandi, Hagnos)
História da Missão (Bertil Ekström, Descoberta)
Perspectivas no Movimento Cristão Mundial (vários autores, Vida Nova)
História das Missões (Stephen Neil, Vida Nova)
História das Missões Moravianas (Florêncio Ataídes, Aleluia)
Correntes Emergentes da Igreja e Missões (Paul Pierson, Horizontes)
O Último Missionário (Carlos Caldas, Mundo Cristão)

TEOLOGIA DA MISSÃO
Missão Transformadora (David Bosch, EST/Sinodal)
Teologia Bíblica de Missões (George Peters, CPAD)
A Missão de Deus (Christopher Wright, Vida Nova)
A Missão do Povo de Deus (Christopher Wright, Vida Nova)
A Visão Missionária na Bíblia (Timóteo Carriker, Utimato)
A Igreja Missional na Bíblia (Michael Goheen, Vida Nova)
A Natureza Missionária da Igreja (Johannes Blawn, ASTE)
Povo Missionário, Povo de Deus (Charles van Engen, Vida Nova)
Nos Passos do Apóstolo Paulo: seus métodos e pregação nos dias atuais (eds. R L Plummer e J H Terry, Central Gospel)
Missões – vale a pena investir? (Russell Shedd, Vida Nova)
Missão e Igreja (Paulo César Nascimento, Betel Brasileiro)
Confins da Terra: que lugar é este? (Wilhan Gomes, Descoberta)
O Espírito Santo e a Missão da Igreja (Éder Silva, Lerban)
A Mensagem da Missão (Howard Peskett, ABU)
Ide e Fazei Discípulos: uma introdução às missões cristãs (Roger Greenway, Cultura Cristã)
A Missão Cristã no Mundo Moderno (John Stott, Ultimato)
O Que é Missão?: teologia bíblica de missão (J. Andrew Kirk, Descoberta)
Salmos Missiológicos: princípios bíblicos para a prática missionária da igreja (Eduardo Leandro, Descoberta)
Bíblia de Estudo Missionária (SBB)

ANTROPOLOGIA MISSIONÁRIA E CONTEXTUALIZAÇÃO TRANSCULTURAL
Costumes e Culturas (Eugene Nida, Vida Nova)
O Fator Melquisedeque (Don Richardson, Vida Nova)
A Comunicação Transcultural do Evangelho (David Hesselgrave, Vida Nova)
Diferentes Culturas: uma introdução à etnologia (Lothar Käser, Descoberta)
Contextualização: uma teologia do Evangelho e cultura (Bruce Nicholls, Vida Nova)
O Evangelho e a Diversidade das Culturas (Paul Hiebert, Vida Nova)
Contextualização Missionária (Bárbara Burns, Vida Nova)
Introdução à Antropologia Missionária (Ronaldo Lidório, Vida Nova)
Comunicação e Cultura (Ronaldo Lidório, Vida Nova)
De Todos os Povos (Jairo de Oliveira, Descoberta)
Missões e Culturas (Jairo de Oliveira, Abba)
Fenomenologia da Religião (Cácio Silva, Vida Nova)
Transformando Cosmovisões (Paul Hiebert, Vida Nova)
O Evangelho e a Cultura: leituras para a antropologia missionária (org. Tim Carriker, ebook do organizador)
Antropologia Missionária para o Séc. XXI (Hans Reifler, Descoberta)

RELATOS DE EXPERIÊNCIAS MISSIONÁRIAS
O Totem da Paz (Don Richardson, Betânia)
Senhores da Terra (Don Richardson, Betânia)
As Boas Novas em Todas as Línguas: a história de Cameron Townsend (Janet e Geoff Benge, Jocum)
Recuar Jamais: a história de Charles Thomas Studd (Janet e Geoff Benge, Jocum)
Por Todo o Mundo: a história de Loren Cunningham (Janet e Geoff Benge, Jocum)
Irmão André: o agente secreto de Deus (Janet e Geoff Benge, Jocum)
Heróis da Fé (Orlando Boyer, CPAD)
Serão Como as Estrelas (Marcia Tostes, Antioquia)
Missão em Cúcuta (José Satírio, CPAD)
Eu, Um Missionário? (Antonia Leonora Van der Meer, Ultimato)
Missiologia na Prática: um missionário na Polônia (Antero Kaczan, Ed. Betel)
Missões do Sertão aos Balcãs (José de Anchieta, CPAD)
Contos do Campo Missionário (Oswald Smith, Vida)
A História da Junta Administrativa de Missões (vários autores, JAMI)
Semeadores: missionários cristãos contemporâneos, I e II (ed. C. Eller Miranda, Betel Brasileiro)
Testemunhos de Missionários Ibero-Americanos (vários autores, CPAD)

MISSÕES e IGREJA PERSEGUIDA
Perseguidos: o ataque global aos cristãos (P. Marshal/L. Gilbert/N. Shea, Mundo Cristão)
Sangue, Sofrimento e Fé (vários autores, Ultimato)
O Contrabandista de Deus (Irmão André/John e Elizabeth Sherrill, Betânia)
A Fé que Persevera: guia essencial sobre a perseguição à Igreja (Ron Boyd-MacMillan, Portas Abertas)
Cristãos Secretos: o que acontece quando muçulmanos se convertem a Cristo (Irmão André/Al Jansen, Vida)
Força da Luz: a única esperança para o Oriente Médio (Irmão André/Al Jansen, Vida)
Torturado por Amor a Cristo (Richard Wurmbrand, Voz do Mártires)
Canção da Liberdade (Helen Berhane, Vida)
Fuga da Coreia do Norte (Paul Estabrooks, Portas Abertas)
Infiltrado por Deus: levando Bíblias secretamente (D. Langeveld/B. Hobrink, Portas Abertas)
Atrevi-me a Chamar-lhe de Pai (B. Sheikh/R. Schneider, Vida)
O Amor Venceu o Medo: o impressionante testemunho de um prisioneiro no Irã (D. Bauman, Vida)
Camboja: preparados para morrer (Todd e DeAnn Burke, Betânia)
A Cristofobia no Séc. XXI: entendendo a perseguição aos cristãos (Daniel Torres, edição do autor)
O Prisioneiro: um homem de Deus na prisão (José Dilson e Liane Reis, Z3)
O Julgamento (José Dilson e Liane Reis, Z3)

PROMOÇÃO DO ENGAJAMENTO MISSIONÁRIO
O Clamor do Mundo (Oswald Smith, Vida)
Missões: qual a sua parte? (George Verwer, Betânia)
Brasil: o gigante adormecido (David Botelho, Horizontes)
Ore pelas Nações: um guia completo de missões e intercessão pelo mundo (P. Johnstone/J. Mandryk/M. Wall, Mundo Cristão)
A Igreja é Maior do que Você Pensa (Patrick Johnstone, Horizontes)
Quem se importa? (Djalma Albuquerque, Descoberta)
Missões: o desafio continua (Ronaldo Lidório, Betânia)
A Missão de Interceder (Durvalina Bezerra, Betel Brasileiro)
Restaurando o Ardor Missionário (Ronaldo Lidório, CPAD)
O Melhor para Missões (Edison Queiroz, Descoberta)
Missões Brasileiras: em resposta ao clamor do mundo (vários autores, Betel Brasileiro)
Anunciai entre as Nações a sua Glória (vários autores, Esperança)
Missões: o Ide levado a sério (Thomas Hoover, CPAD)
Alegrem-se os Povos (John Piper, Cultura Cristã)
Novas Fronteiras (Ronaldo Lidório, APMT)
Fábrica de Missionários (Rubem Amorese, Ultimato)
A Igreja Apaixonada por Missões (Antonio Nasser, Abba)
Chamado, Choque e Carisma: considerações missiológicas para o século XXI (Jarbas Silva, Descoberta)
Quem Quer Ser Um Missionário? (V N Máisel, Pãexes)
Você Não Precisa de Um Chamado Missionário (Yago Martins, Concílio)
Vocacionados (Ronaldo Lidório, Betânia)
Subindo para Missões (José Bernardo, Salva Vidas)
Chamados por Deus: resgatando o sentido da vocação para o cristão hoje (diversos autores, Betel Brasileiro)
Reflexões de um Apaixonado por Missões (Jairo de Oliveira, Betel Brasileiro)
É Tempo de Deixar a Praia: histórias para inspirar a fé e a prática missionária (Timothée Paton, Betel Brasileiro)
Teatro Missionário – peças e jograis sobre Missões e Evangelização (Sammis Reachers e Vilma Pires, Veredas Missionárias)

ESTRATÉGIA e METODOLOGIA MISSIONÁRIAS
A Igreja Local e Missões (Edison Queiroz, Vida Nova)
Missões & Cia (Bertil Ekström e P. Mendes, Descoberta)
Esboço de Estratégia e Metodologia Missionária (Stephenson Araújo, Lerban)
Como Organizar o Ministério de Missões em sua Igreja (Sebastião Lúcio, Ultimato)
A Missão Invertida (Bendor-Samuel, Ultimato)
Antes de Florescer (Sergio da Silveira, Antioquia)
Evangelização ou Colonização? (Analzira Nascimento, Ultimato)
Missão, Missões, Antimissão (Analzira Nascimento/Jarbas Silva, Reflexão)
Missões para um Mundo Globalizado (Milton Santiago, Aleluia)
Missões na Era do Espírito Santo (John York, CPAD)
A Chave para o Problema Missionário (Andrew Murray, Horizontes)
Radical: um novo modelo de treinamento multicultural (Paul Pierson, Horizontes)
Uma Seara [Quase] Esquecida: o desafio de olhar os grupos religiosos como campos missionários (Eguinaldo de Souza, Betel Brasileiro)
Missões no Terceiro Milênio: 21 tendências para o século XXI (Stan Guthrie, Horizontes)
Missões: preparando aquele que vai (David Harley, Mundo Cristão)
Tropeços na Ação Missionária (Jarbas Silva, Descoberta)
Missionários e Recursos: parcerias no Reino de Deus (Mônica Mesquita, Betânia)
Colocando a Bíblia em Ação (H. Hill, Vida Nova)
A Criança, a Igreja e a Missão (Dan Brewster, Ultimato)
Vida, Ministério e Desafios no Campo Missionário: uma abordagem contemporânea sobre missões (Jairo de Oliveira, Abba)
Transformando Vocacionados em Modelos de Exportação (Pedro de Paula Filho, Descoberta)
Missiologia para o Século XXI: a consulta de Foz do Iguaçu (ed. William Taylor, Descoberta)

CUIDADO MISSIONÁRIO
A Missão de Enviar (Neal Pirolo, Descoberta)
Valioso Demais Para Que se Perca (ed. William Taylor, Descoberta)
Dignos de Cuidados (vários autores, Descoberta)
Perspectivas do Cuidado Missionário (vários autores, Betel Brasileiro)
Missionários Feridos: como cuidar dos que servem (Antonia Leonora Van der Meer, Ultimato)
Cuidado Integral do Missionário (Kelly O Donnell, Descoberta)
Missão Alerta: uma abordagem sobre o cuidado dos missionários (Hairton de Carvalho Jr., Aleluia)
O Guia do Missionário (Raquel Elana, Multifoco)
Florescendo em Outra Cultura (J. A. Dennett, Descoberta)
Choque Cultural (Myron Loss, Horizontes)
Missões do Jeito que Deus Quer: o papel da igreja no envio e sustento do missionário (Mônica de Mesquita, Cultura Cristã)
Famílias em Direção ao Campo (Janet Greenwood, Descoberta)
Criando Filhos entre Culturas: para cuidar melhor da família morando no exterior (org. Alícia Macedo, Ultimato)


OBRAS RELACIONADAS A REGIÕES OU GRUPOS ESPECÍFICOS
ÁFRICA
Espada e Bisturi: um cirurgião de fé e coragem na África (R. L. Foster, Descoberta)
Konkombas (Ronaldo Lidório, CPAD)
Crônicas Missionárias: o dia a dia do campo africano (Sebastião Lúcio, Ultimato)
Ecos da África (Joaquim Guerreiro, CPAD)
África: a alegria vem pela manhã – um conto africano (Ronaldo Lidório, Betânia)
A Casa: Diário de uma Missão (Hans e Úrsula Fuchs, Descoberta)
Missão Possível: Angola (Peter Widmer, Esperança)
Missões na África: o Brasil e sua geração missionária (Robson Oliveira, edição do autor)
Deus Sabe o Que Faz (Delci dos Santos, Antioquia)
Amor além das Fronteiras: cartas que contam uma história de amor a Deus e aos africanos (Jairo de Oliveira, Reflexão)

MUÇULMANOS
Esperança para os Muçulmanos (D. McCurry, Descoberta)
Islamismo: a grande batalha espiritual (Tariq Al-Salam, AD Santos)
O Islã sem Véu (Ergun e Emir Caner, Vida)
Segredos do Alcorão (Dom Richardson, Horizontes)
Descobrindo o Mundo do Islã (K. Swartley, Esperança)
Q3 Missões: qualquer pessoa, qualquer lugar, qualquer hora (Mike Shipman, Esperança)
Filhas do Islã (Miriam Adeney, Horizontes)
Entenda o Islã (Christine Schirrmacher, Vida Nova)
O Outro Lado do Islã (R C Sproul/A Saleeb, CPAD)
Testemunho Cristão Junto aos Muçulmanos (Comissão de Lausanne, Ultimato)
Movimentos Miraculosos: muçulmanos que amam Jesus (Jerry Trousdale, Esperança)
Um Vento na Casa do Islã (David Garrison, Esperança)
Apresentando Jesus ao Islã (J. D. Greear, Cultura Cristã)
Procurei Alá, Encontrei Jesus (N. A. Qureshi, Cultura Cristã)
Compartilhando Jesus com os Muçulmanos (Phil Parshal, Esperança)
O Evangelho para os Muçulmanos (T. Anyabwile, Fiel)
Como Evangelizar os Mulçumanos (Elizeu Martins, CPAD)
Da Semente ao Fruto (ed. J D. Woodberry, Descoberta)
Anjos do Deserto (Raquel Elana, JAMI)
Islamismo: o maior desafio em todo mundo (Rachid K. Abdalla, AD Santos)

CHINA
Lírios entre Espinhos (Danyun, Horizontes)
O Homem do Céu (Irmão Yun/P. Hattaway, Betânia)
Chuva na Montanha: uma nova biografia de James O. Fraser (E. Crossman, Horizontes)
Aventura na China: a história de Gladys Aylward (Janet e Geoff Benge, Jocum)
Deus Chegou ao Tibete (Alan Maberly, Horizontes)
Cartas do Campo: conversas sobre a prática missionária (Lian Godoi, Betel Brasileiro)
Deus é Vermelho: como o cristianismo sobreviveu na China comunista (L. Yiwu, Mundo Cristão)

ÍNDIA
O Homem que Orava (F. A. McGaw, CPAD)
Índia: a fronteira do sonho (Robson S. Oliveira, MCM)
O Apóstolo dos Pés Sangrentos (Boanerges Ribeiro, CPAD)

INDÍGENAS
De Todas as Tribos (Isaac de Souza, Ultimato)
Indígenas do Brasil (Vários Autores, Ultimato)
A Questão Indígena (Vários Autores, Ultimato)
A Vida de David Brainerd entre os Índios (Jonathan Edwards, Fiel)
Por esta Cruz te Matarei (Bruce Olson, Vida)
Através dos Portais do Esplendor (Elisabeth Elliot, Vida Nova)
O Piloto das Selvas (R T Ritt/W Kaschel, Asas de Socorro)
Quem me Dera Conhecer a Deus (Silas e Eldna Lima, Descoberta)
Nossa História, Nossa Missão! Povos da Floresta (Daniel e Fátima Batistela, Reflexão)
Sua Voz Ecoa nas Selvas (Sofia Muller, Transcultural)
Esperando a Volta do Criador (Onésimo de Castro, Transcultural)
Chamado Radical (Bráulia Ribeiro, Ultimato)
Pakau (Kelem Gaspar, CPAD)   
Beth e Eu: histórias da aldeia (Sandra Oliveira, JOCUM)
O Cacique, a Cigarra e Eu: a história dos primeiros missionários numa aldeia caiapó (Dale Snyder, MEIB)

SERTANEJOS
Missionários para o Sertão Nordestino (Ildemar Medeiros, Betel Brasileiro)
O Grito do Sertão Nordestino (org. Beat Roggensinger, Esperança)
Cidades do Interior (Sérgio Lyra, Betel Brasileiro)
Diaconia no Contexto Nordestino (vários autores, Sinodal)

CIGANOS
Ciganos: um desafio missionário esquecido pela Igreja (Igor Shimura, Descoberta)
Duvelismo: identidade e Pluralidade Cigana (Igor Shimura, Descoberta)

MISSÕES URBANAS
Um Jumentinho na Avenida (Marcos Monteiro, Ultimato)
Cidades para a Glória de Deus (Sérgio Lyra, Betel Brasileiro)
Igreja Centrada (Timothy Keller, Vida Nova)
De Cidade em Cidade (Jorge Barro, Descoberta)
A Cidade na Missão de Deus (Arzemiro Hoffmann, Sinodal)

Bartolomeu Ziegenbalg, o primeiro missionário luterano



Bartolomeu Ziegenbalg (1682-1719), nascido na Saxônia, nos anos de adolescência (aos 16 anos) passou por um reavivamento da fé. Em 1703, iniciou seus estudos de Teologia em Halle. Antes de encerrar seus estudos, em 1705, foi chamado para a obra missionária e enviado junto com seu colega Plütschau para Tranquebar, uma colônia dinamarquesa no sudeste da Índia.

Dedicou-se ao gamo étnico tamil, aprendeu sua língua, cultura e mentalidade religiosa. Anunciou-lhes o evangelho e defendeu-os contra os interesses comerciais do comandante da colônia. Experimentou grandes dificuldades e sofreu o ódio dos colonos europeus que lá moravam, teve oposição dos hindus e dos católico-romanos, que se julgavam "donos" da vida religiosa do povo tamil. Como a companhia comercial não podia fazer algo abertamente contra a missão, visto ser realizada por mando do rei dinamarquês, queria manter os missionários sob controle e torná-los sem êxito. O comandante consentia em que fossem tratados com palavrões e na base de socos. Como defendeu uma cristã tamil contra um funcionário sem escrúpulos da companhia, a consequência foi seu aprisionamento por mais de quatro meses. A perseguição durou dez anos. Somente quando Ziegenbalg mesmo foi à Europa, recebeu ajuda para que o comandante fosse substituído. Apesar de sua pouca idade e experiência, teve a tenacidade necessária para aquele longo período de luta.

O primeiro missionário evangélico na Índia foi um pioneiro que teve de abrir caminho, experimentando tudo por conta própria. Não haviam princípios missionários pré-estabelecidos a serem seguidos. Ele não se contentou em pregar o evangelho em português, a língua então usada no sul da Índia. Percebeu que, para penetrar profundamente na alma tâmil, era necessário comunicar a mensagem na língua materna. Depois de um ano conseguiu realizar sua primeira pregação em tamil. Traduziu o Novo Testamento, publicado em 1714, e o Antigo Testamento até o livro de Rute. Começou uma escola com os filhos dos escravos tamis e com os órfãos.
O método missionário desenvolvido abrangia: escolas, orfanato, tradução da bíblia, editora, treinamento de professores e pregadores nativos, anúncio do evangelho de forma contextualizada, cânticos em melodia e métrica tamil, catequização dos jovens, e tudo visando a conversão pessoal a Cristo. Ziegenbalg julgou importante pesquisar as religiões da região antes de evangelizar. Julgava que o testemunho só poderia ser relevante a partir do conhecimento apurado da realidade espiritual dos nativos. Dedicou-se a conhecer sua forma de pensar e sentir. Escreveu pelo menos tias livros sobre as religiões, um hinário tâmil, uma gramática e um dicionário tâmil, enquanto seu colega escreveu sobre a medicina popular dali. Suas obras de pesquisa foram vistas como irrelevantes em toda Europa, visto que a primeira foi publicada somente mais de dois séculos após sua morte, em 1926. 

Depois de anos de fraqueza física e de injusta e severa crítica destrutiva por pane do comitê da missão em Copenhagen, à obra missionária, o coração de Ziegenbalg não aguentou, caindo em grave enfermidade, vindo ele a morrer com apenas 34 anos de vida. Quando da sua morte. os cristãos tamis eram cerca de 250. Ele tinha sido usado como semeador da boa semente do evangelho. Não teve tempo para ver muitos frutos, mas ocupa lugar de honra entre os representantes mais destacados da história missionária evangélica. Ele pregou o evangelho levando em conta o conhecimento natural de Deus existente entre os nativos e a visão de vida tamil, tendo como objetivo a criação de uma igreja luterana própria para aquela cultura. Ziegenbalg tem sido chamado de "protótipo do missionário evangélico".


Marlon Ronald Fluck

sábado, 9 de setembro de 2017

Dia Nacional de Missões 10 de Setembro 2017

O Dia Nacional de Missões é uma data que nos convida a refletir sobre o posicionamento missionário da igreja brasileira. Todo cristão tem a responsabilidade de desenvolver um ministério para cumprir o "ide de Jesus". Seja levando as boas novas aos mais próximos, na vizinhança, entre família ou até mesmo realizando trabalhos mais distantes. Portas Abertas


Somos uma igreja que nasceu de um projeto missionário pioneiro no Brasil, por intermédio dos suecos Gunnar Vingren e Daniel Berg, que aportaram em Belém, capital do Estado do Pará, em 19 de novembro de 1910. De lá para cá, a Assembleia de Deus no Brasil cresceu e atualmente enviamos missionários para todos os continentes, pregando e ensinando a poderosa Palavra do Senhor Jesus.

Com o intuito de preservar as nossas raízes e continuar difundindo o evangelho aos povos não alcançado, a Assembleia de Deus no Brasil comemora tradicionalmente no segundo domingo de setembro, o Dia Nacional de Missões. Em 2017, a data será 10 de setembro. Missões Rede 

5 Países Mais Perseguidos do Mundo


 

Todos os anos as Postas Abertas divulga uma Lista Mundial da Perseguição onde mostra 50 países mais perseguidos do mundo e separamos os 5 países mais perseguidos, para que posamos orar, ajudar e interceder por esses países.

1º Coreia do norte:
Um lugar onde os direitos à liberdade de pensamento, religião, expressão e informação não são respeitados. Há anos, não há mudança para a igreja: cristãos enfrentam níveis de pressão extremos em todas as áreas da vida, combinados com alto grau de violência.

O país é o mais fechado do mundo, onde o cristianismo é visto como ocidental e hostil. Cristãos tentam esconder sua fé para evitar serem presos e enviados para campos de trabalhos forçados. É esperado que os cidadãos adorem somente a família Kim, que governa o país há quase 70 anos.

2º Somália:
2º lugar entre os países que mais perseguem cristãos. Mergulhada em uma guerra civil sem fim, fragmentação social, tribalismo e radicalismo.
o islã é a religião do Estado e qualquer propagação de outras religiões é proibida.

Tribalismo é a capacidade que alguns povos tem de ser manter unidos, sempre em equipe, são uma tribo, comandada por um chefe.

3º Afeganistão:
O Afeganistão é um país instável, marcado pelo extremismo islâmico e que não experimenta liberdade e paz há séculos.
uma nação que viola gravemente padrões de liberdade religiosa, a situação da igreja é cada vez mais difícil.

Cristãos se encontram em secreto, o que faz a igreja necessitar de instrução bíblica e líderes preparados.
Por isso não há igrejas públicas no Afeganistão.

4º Paquistão:
Islamismo 96,4%, Outros 3,6%
População: 196,7 milhões Cristãos: 3,9 milhões.
Vizinho do Afeganistão.
As reuniões aos domingos para adoração ainda são possíveis para os cristãos, mas todas as outras atividades cristãs são fortemente desaprovadas.

5º Sudão:
Sob o governo autoritário de Al-Bashir, não existe Estado de direito no Sudão. Leis restringem a imprensa e a mídia, bem como a liberdade de expressão dos cidadãos. Historicamente, o islã tem raízes profundas na sociedade sudanesa, e o governo está implementando estritamente a política de uma única religião, cultura e idioma.

Todos informações foram encontradas no portal Portas Abertas
 https://www.portasabertas.org.br/listamundial/perfil/

Siga-nos

Contato rápido

Nome

E-mail *

Mensagem *

Parceiros

Tecnologia do Blogger.