sábado, 29 de novembro de 2014

Desafios da Evangelização do Interior do Nordeste



O Sertão Nordestino é, historicamente, a região menos evangelizada do Brasil.
Segundo o último Censo (IBGE, 2010) a presença evangélica no sertão está em torno de 7%, enxugando com a retirada das seitas que o IBGE considera como evangélicas, vamos ter um percentual de apenas 5,5%.
No Sertão encontramos uma sociedade fortemente marcada pela idolatria, por um fundo de cultura animista, pelos mais tristes índices sociais (alto índice de analfabetismo, de evasão escolar, baixíssima renda familiar, baixo IDH, etc), pelo problema das secas cíclicas e pelo descaso dos poderes públicos.

A igreja do Senhor Jesus em nosso país deve encarar o desafio da evangelização dos Sertões Nordestinos amando o povo sertanejo e enviando missionários para o plantio de igrejas bíblicas, pois nada é mais eficiente para evangelizar uma região (ou uma nação), que plantar igrejas.
No meio de uma população pobre, os missionários devem ser preparados e equipados para implantar projetos de transformação social seguindo princípios bíblicos, fugindo das tentações do paternalismo e do imediatismo, que tanto atrapalham projetos de plantio de igreja e de empoderamento do próprio povo.
No interior nordestino são 196 municípios com até 5% de crentes, cerca de 6 mil povoados rurais sem nenhuma igreja evangélica, a maioria absoluta no sertão.

Além do povo sertanejo, encontramos em solo nordestino outro desafio, espalhado em todo o território, com presença marcante no Sertão: os povos minoritários, que são os Ciganos, os Quilombolas e os Indígenas da região Nordeste, todos pouquíssimo evangelizados e em todos os aspectos mais carentes que o sertanejo comum.
As igrejas das capitais nordestinas tem uma grande responsabilidade pela evangelização dos povos de nossa terra e o primeiro passo é conhecê-los melhor e amá-los ao ponto de desejar incontidamente que sejam alcançados com o Evangelho de Cristo. Todavia, a responsabilidade é de toda a igreja: dos sertões, das capitais e de todo o Brasil.
Que o Senhor faça emergir em nossos corações um amor mais ardente e um compromisso crescente em favor deles, que nos remeta a esforços maiores pela salvação de muitos sertanejos, ciganos, quilombolas e indígenas do Nordeste.
Que Deus nos fale, nos ajude e nos use!

(Sérgio Ribeiro)

Presidente e um dos fundadores da Missão Juvep, que trabalha com o proposito de plantar igrejas nas cidades e povos menos evangelizados do Nordeste.

Por Sérgio Ribeiro
http://juvep.com.br/

Fonte: Veredas Missionárias 

0 comentários:

Postar um comentário

Siga-nos

Contato rápido

Nome

E-mail *

Mensagem *

Parceiros

Tecnologia do Blogger.