segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Nova Constituição do Nepal ameaça os cristãos do país

Nova Constituição do Nepal ameaça os cristãos do país

A nova Constituição do Nepal ameaça a presença de cristãos no país, pois tornaria todas as igrejas ilegais.
Foram sete anos de discussão sobre o novo texto e os parlamentares aprovaram a Carta Magna que dará uma série de razões para impedir o trabalho de missionários no país.

“Enquanto há protestos contra a nova Constituição, as atividades cristãs correm o risco de tornarem-se todas ilegais. Além disso, existe um acordo entre o Nepal e a Índia que estabelece que ambos devem se tornar um Estado hindu. Se os países seguirem à risca, as emendas propostas podem tornar qualquer ato religioso como evangelístico, o que é punível por lei”, analisa um representante do Portas Abertas.
Evangelizar passa a ser motivo de punição, no país 80% da população é hindu e o Estado passa a privilegiar essa religião condenando as demais. E não é só a tentativa de converter as pessoas que será punida, as ações em prol dos necessitados também passam a ser consideradas como rebeldia contra o governo.

Na nova Constituição há uma clausula de “anti-conversão” que dá penas de prisão e multa para quem falar de Cristo para outras pessoas. A comunidade cristã local está bastante preocupada e temendo aos problemas que surgirão.
“Seguidores do cristianismo já sofrem há décadas com as desigualdades e a perseguição religiosa. Eles esperavam que a nova Constituição, que foi criada pela democracia laica, garantisse seus direitos e sua liberdade, mas parece que isto não vai acontecer tão cedo”, diz o analista do Portas Abertas.

Fonte: GospelPrime

0 comentários:

Postar um comentário

Siga-nos

Contato rápido

Nome

E-mail *

Mensagem *

Parceiros

Tecnologia do Blogger.