terça-feira, 5 de abril de 2016

Igreja ultrapassa alvo de missões





O envolvimento cada vez maior das igrejas com a obra missionária é comprovado em histórias que chegam até Missões Mundiais e que dão prova do agir de Deus principalmente em época de campanha. É o que compartilha Erica Albarral, da Igreja Batista do Jardim Redentor, em Franca/SP, que conseguiu ultrapassar o alvo estabelecido em mais da metade.

Tudo começou quando Erica recebeu uma ligação de uma amiga não crente mat_leve-esperanca_ib-jardim-redentor_franca-spdizendo que faria uma almofada para leiloar para Missões Mundiais. No dia seguinte, uma sexta-feira, aconteceu na igreja uma Noite Missionária, durante a qual foram exibidos todos os vídeos da campanha Leve Esperança e houve um momento especial de oração por cada missionário e projeto.

No sábado, houve um congresso Conexão Missionária, e no domingo pela manhã, quando três candidatos a batismos deram profissão de fé, a igreja orou para alcançar o alvo de Missões Mundiais.

“No culto à noite, os três candidatos foram batizados. Tivemos o momento missionário e todos receberam a ficha de adoção. E precisávamos superar o alvo proposto”, conta Erica. “Tínhamos alcançado um pouco mais da metade do alvo, e muitos, assim como eu, pensaram que não iríamos conseguir”, relata.

“Ao final do culto, o tesoureiro, chorando, entrega um papel ao Pr. Valdenir Albarral, que também com olhos lacrimejando, olha para o recado. Nisso minha cunhada já me avisa: ‘Batemos [o alvo], seu pai está chorando”, lembra Erica.

O hino de missões foi executado, e o pastor chama Erica para fazer as contas e tirar as faixas do alvo, quando se constatou que as entradas no culto à noite tinham superado a metade do valor proposto, ou seja, o alvo tinha sido alcançado.

“Ainda tínhamos a cantina com a venda de cachorros quentes, que arrecadou quase que o mesmo valor da Noite Missionária. E ainda temos a arrecadação deste mês de abril, mas superamos o alvo, e com folga”, destaca Erica. “Nosso Deus suprirá todas as necessidades, e eu sou muito grata por estar em uma igreja missionária, com pessoas que amam missões, que choraram comigo de alegria por fazer parte daquilo que o nosso Deus tem feito no mundo”, conclui.

Mais igrejas também estão em ação para levar esperança
Na Região Norte, a Primeira Igreja Batista de Altamira/PA abriu a campanha mat_leve-esperanca_pib-altamira-pade Missões Mundiais no dia 13 de março, com um culto que teve inclusive entrada das bandeiras, pelas Mensageiras do Rei, de países como China, Nigéria, Paquistão, Índia e Egito, onde a igreja sofredora tem resistido apesar da perseguição.


“Pudemos apresentar para a igreja o tema, a divisa e o hino oficial e mostrar, através dos vídeos missionários, a realidade da obra missionária pelo mundo. Foi uma bênção”, conta Analita Freitas Duarte, da PIB Altamira. “Estamos trabalhando para alcançar nosso alvo para o Dia Especial, que será no dia 29 de maio”, completa.

A Igreja Batista no Jardim Santina, em Limeira/SP, começou a campanha Leve Esperança em janeiro, apresentando vídeos, mensagens e mobilizando os membros a investirem em Missões Mundiais.

“O nosso gráfico não para de subir, graças a Deus”, diz Marcos Selmo.

A Igreja Batista Boas Novas aos Homens, em Ji-Paraná/RO, terminou a mat_leve-esperanca_ib-boas-novas-aos-homens_ji-parana-rocampanha neste domingo, 3 de abril, com o coral feminino Adoradoras do Rei, que cantou o hino oficial da campanha Leve Esperança.

“Louvamos a Deus pela vida dos irmãos que estão à frente de Missões Mundiais. Que o Senhor continue os abençoando ricamente”, diz Kellen Brum, da IB Boas Novas aos Homens, em Rondônia.

A campanha também terminou na Primeira Igreja Batista de Viana/MA, segundo Noelma Everton.

As crianças da Igreja Batista em Pauliceia/SP se vestiram com roupas típicas para representar as nações que carecem de Cristo no culto de abertura da campanha Leve Esperança, segundo contam Sinara e Angelo Camonaci, promotores de missões.

“Foi uma grande bênção e continuará sendo durante os dias de campanha nos momentos missionários aos domingos para conscientizar a igreja a orar e contribuir com missões”, diz Sinara.

Na Baixada Fluminense, a Igreja Batista Central em Andrade de Araújo, mat_leve-esperanca_ib-central-andrade-de-araujo_belford-roxo-rjBelford Roxo/RJ, está feliz em celebrar missões. No domingo, 3 de abril, a igreja recebeu a missionária Tarcila do Nascimento, que atua no Timor-Leste.

“Foi um culto muito abençoado, no qual aprendemos um pouco da cultura, dos costumes e como vive o povo timorense. É muito gratificante e precioso ver a obra que Deus tem realizado em cada vida e, em particular, na vida da missionária”, diz Fernanda Garcia.

No culto, as crianças também tiveram participação especial, pois “testemunhar o amor de Jesus aos pequeninos levando a esperança que é Jesus é missão que requer fé, perseverança e amor”, destaca Fernanda.

“Temos a alegria de ter um pastor, Nicácio Junior, que ama missões e que sempre diz: ‘Precisamos viver missões, respirar missões’”, completa.

A Primeira Igreja Batista de Ubatã/BA fez um mosaico para a decoração da campanha Leve Esperança, como informa Adson Muniz, assim como a Primeira Igreja Batista em Água Branca, Contagem/MG, que está se mobilizando, segundo Zenilda Viana.

E como sua igreja está cumprindo a missão de levar esperança às nações? Conte para a gente! Envie a foto da sua igreja acompanhado de um breve relato para redacao@jmm.org.br. Confira também o álbum com fotos de outras igrejas em www.facebook.com/missoesmundiais.

por Willy Rangel

Fonte: Missões Mundiais 
Via: Conecte Missões

0 comentários:

Postar um comentário

Siga-nos

NOVO! Seguidores

Contato rápido

Nome

E-mail *

Mensagem *

Parceiros

Tecnologia do Blogger.